Mostrar tecnologia, modernidade, investimento em serviço e relacionamento. Estes são alguns dos objetivos de boa parte dos expositores da Expo Postos & Conveniência. A Feira, que este ano acontece no Centro de Exposições Imigrantes, reúne fornecedores de equipamentos para postos, empresas voltadas para o segmento de informatização e as mais diversas opções em conveniência.

Confira algumas novidades: A Zeppini apostou no relacionamento.

De acordo com a gerente de marketing, Solange Zeppini Fernandez, a proposta era receber bem os clientes com um atendimento diferenciado, “mais humano”. Este ano a empresa decidiu investir no institucional e para tanto, trouxe para Feira seu programa de Responsabilidade Social. “Criamos um personagem que ensina o instalador a atuar dentro das normas, é uma figura boa gente que não tem medo de passar informações ao mercado”. O personagem foi transformado em um boneco que está sendo vendido no estande. “Todo o valor arrecadado será doado para as empresas cadastradas.”


“A Zeppini é um parceiro estratégico para nosso trabalho no mercado argentino com sua linha completa de equipamentos e acessórios”. Com estas palavras, Sergio Navarro, vice-presidente da Lihué Ingeniería definiu a Zeppini, durante uma entrevista que concedeu no estande da companhia, na Expo Postos 2007.

A Lihué é uma empresa especializada em consultoria para instalação e manutenção de postos de serviços. Na Argentina existem pouco mais de cinco mil postos, sendo que a Lihué conta com um portfólio de 1,5 mil clientes. Destes, pouco mais de 200 foram totalmente remodelados de acordo com os mais modernos equipamentos que levaram o selo azul de qualidade Zeppini.

A Lihué estabeleceu novos mercados em 1992, quando fez o primeiro contato com a Zeppini no Brasil. Desde então, vieram outros dois parceiros importantes como Dresser Wayne e Petro Techcnik, que ajudaram a consolidar altos parâmetros de qualidade nas instalações dos postos argentinos. A palavra Lihué pertence ao dialeto Mapuchi que significa alento, valor e ânimo.


Os representantes da Zeppini que atuam no estado do Rio de Janeiro, José Roberto da Silva Condurú e Phlyvio Lúcio Vieira Cunha, visitaram o estande da companhia na Expo Postos 2007, em São Paulo. A parceria entre a Phlyvio Lúcio Repr. Com. Ltda e a Zeppini tem dois anos. Em pouco tempo, os empresários já conquistaram aproximadamente 70% do mercado de equipamentos para postos no estado.

Vieira relata a sua experiência com a Zeppini: “É uma parceira com muita possibilidade de crescimento nas relações. Além disso, a empresa une a tradição de uma grande experiência com uma grande evolução tecnológica”.

Ambos já participaram das edições anteriores da Expo Postos & Conveniência. Segundo Condurú, a feira alavanca negócios e é uma porta de entrada para novos clientes. Vieira complementa: “Hoje, o estande da Zeppini é um dos melhores que existem no evento”.


Uma das maiores empresas de equipamentos para postos de combustíveis do México, o grupo Avios, detém uma grande tradição no setor desde 1989. Um dos seus representantes, o executivo Álvaro Coronado Ramirez, esteve no estande da Zeppini para firmar o início de uma grande parceria.

“Vamos deixar um fabricante norte-americano para começar a trabalhar com a Zeppini. Não faremos isso pela questão do preço mas sim por causa da qualidade que é visivelmente superior na linha de produtos para postos de serviço”, ressaltou Coronado.

A Aviós importa 80% dos seus produtos de fornecedores dos Estados Unidos, 15% da Europa (Espanha, Itália e Suécia) e outros 5% da China. A empresa conta com cinco escritórios distribuídos em todo o México e aposta na qualidade e na distribuição eficiente da Zeppini para atender toda a sua demanda.

“Os produtos são muito melhores como por exemplo a válvula de contenção que é visivelmente mais resistente que a de outros fabricantes”, disse o executivo durante a conversa com o Gerente de Vendas Internacionais, Marcelo Cyrino.


Na cidade de Gramado, região da Serra Gaúcha, cerca de 1.100 profissionais do setor de combustíveis (donos de postos, instaladores e revendedores) participam da 10ª edição da Expo Petro 2007, o maior evento do setor na região do Mercosul. O encontro é realizado no Serrano Resort, eleito pela revista Viajar o segundo melhor hotel de todo o Brasil.

Os participantes conferem produtos para aplicação em postos de serviço e similares, soluções para os serviços em postos e outras novidades. As distribuidoras regionais Charrua e Megapetro, parceiras da Zeppini dividem espaço com empresas como Shell, Ipiranga, BR e Texaco.

A Zeppini é destaque no evento, já que atua no Rio Grande do Sul com a empresa J.Borges de Assis Ltda, e apresenta sua linha de produtos num estande de localização privilegiada do Centro de Convenções Serrano. A cobertura dos melhores momentos deste grande evento, você acompanha aqui no blog da Zeppini.

A Expo Petro 2007 conta com um espaço para os expositores e também um auditório, onde são realizadas palestras com empresários e especialistas do setor.


Sérgio Rossi Rocha, da R. Rocha Comércio e Serviço Ltda, é representante da Zeppini no Espírito Santo há aproximadamente quatro anos. Com publicações locais e com o apoio da diretoria da empresa conseguiram consolidar sua posição no mercado local e hoje possuem 80% da plataforma desse setor no Estado.

Rossi se tornou um representante Zeppini por indicações de amigos e pela marca ser uma referência da marca no setor. Ele conta um pouco da sua experiência como representante da companhia. “Me orgulha e surpreende muito trabalhar com a Zeppini, tamanha dedicação e suporte que recebo”, diz o empresário que também elogiou a realização da Expo Postos Conveniência. Segundo ele, muitas coisas melhoraram. “A feira evoluiu e hoje o estande da Zeppini está em uma posição de destaque”, conclui.


De acordo com Fagundes, a linha de equipamentos ecológicos da Zeppini já é referência em todo o mercado. “É uma empresa que está sempre à frente, pesquisando novos produtos e soluções incorporadas com muita tecnologia”, completa o engenheiro.

Pensando na proteção ambiental, a Fagundes está em processo de implantação da ISO 14.000 – de normas ambientais e também da ISO 18.000, que regula normas de segurança. No entanto, nem todos os empresários do setor investem em equipamentos anti-vazamento, por conta da falta de fiscalização ou mesmo por questão de economia. Mas Rudinei Fagundes incentiva: “Nós oferecemos a linha ambiental Zeppini para todos os nossos clientes. É preciso investir hoje nesse tipo de equipamento. Sem dúvida algo que vale muito a pena e valerá cada vez mais”, finaliza.


O Rio Grande do Sul é um dos estados com maior avanço em termos de modernização das instalações de postos de combustíveis. Com cerca 2,8 mil estações de serviço, a região conta com uma fiscalização intensa contra os danos ambientais.

Em entrevista no estande da Zeppini, José Luiz Borges de Assis é um empresário que trabalha em parceria com a empresa há 15 anos e sintetiza a realidade do mercado onde atua. Com relação a companhia, destaca: “A posição de parceria da Zeppini é de aliada dos instaladores ao transmitir conhecimento técnico, numa cadeia que fortalece o próprio profissional e também a rede distribuição”, disse.

Segundo Borges, os postos de combustíveis gaúchos trabalham com força na adequação às normas de qualidade e também de preservação ambiental. “Mesmo que não seja possível modernizar toda a estação, os donos de postos se empenham em fazer obras de melhoria para atender toda a legislação”, explica o empresário que estima em 20% o número de postos já plenamente adequados.


No mercado de equipamentos para postos de serviço, a instaladora Fagundes é uma referência não somente no Rio Grande do Sul, onde foi fundada na cidade de Canoas, região da grande Porto Alegre. Em 21 anos de atuação, a empresa já chegou a Brasília, Tocantins, Santa Catarina, Goiás e interior de SP ao lado de grandes distribuidores como Repsol e Ipiranga e tem cerca de 200 colaboradores.

Ainda no início do seu trabalho, a Fagundes teve conhecimento de uma nova empresa no mercado, a Zeppini, que na época se destacava nos manuais de instalação da Petrobrás: “O Carlos Zeppini teve uma excelente idéia, prova da sua inteligência, já que a Zeppini aparecia como referência nos manuais, isso já no final dos anos 1980”, afirma Rudinei Fagundes, engenheiro da companhia.


A EHM Morais Representações é uma empresa tradicional no setor que atua nos estados de Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Triângulo Mineiro. A empresa é gerida por Eduardo Morais e Henderson Moraes que atuam com mais de 150 profissionais instaladores, cuja tarefa é modernizar os postos de combustíveis dessas regiões, que carecem de fiscalização e de adequação às novas normas de segurança.

“A Zeppini é uma empresa de grande visão porque introduziu no mercado uma nova linha de produtos que transformou o entendimento dos empresários em termos de instalação”, afirma Eduardo Morais.
Ele conta que há 16 anos, no início do trabalho de parceria, Carlos Alberto Zeppini teve uma visão inteligente de aplicar a mesma tecnologia de produtos que era usada nos Estados Unidos e Europa. “Todos diziam que os novos equipamentos chegariam apenas dentro de 20 anos, mas a Zeppini antecipou e surpreendeu o mercado”, disse.

Com o passar dos anos, os grandes instaladores e empresas da área passaram a usar a referência dos produtos da marca Zeppini para modernizar suas instalações. “A transformação foi radical num curto espaço de tempo e agora, com as novas normas ambientais, esperamos ainda ter mais espaço no mercado onde atuamos”, completa Henderson Morais.